O espaço como elemento definidor da arte demonstra a relevância do contexto na proposta artística. Surge um conceito onde o espaço é apresentado como parte de um lugar com raízes e ligações sociais-culturais prévias.
A arte relaciona-se ao longo dos tempos com o lugar, que Heidegger define como responsável pela criação do espaço. Longe de ser autónomo ao lugar, o objecto artístico pretende potenciar a inter-relação espaço, objecto, comunidade, memória, tornando o lugar numa entidade volátil criada através da acção humana.
A definição de lugar é o mote no contexto desta peça artística a apresentar na Bienal de Cerveira
O desafio é o da procura da construção e identidade sonora do lugar de Vila Nova de Cerveira.
A aplicação permite ouvir novos contextos sonoros do lugar baseados em recolhas sonoras, entrevistas a residentes e integração do som em tempo real.

Aplicação / Utilização


Faça a descarga da aplicação

 

Pressione os botões disponíveis e ouça as 11 composições de paisagens sonoras inspiradas nas experiências em Vila Nova de Cerveira.


 

Em Vila Nova de Cerveira
Active o acesso à  concexão de dados e gps do seu aparelho móvel.


Procure ouvir os espaços e o seu novo contexto deslocando-se em Vila Nova de Cerveira.


Toque nas marcações para alterar o estado sonoro entre as seguintes opções: activo, solo e desligado.
Para uso pleno da aplicação use os seus headphones

Recolhas Sonoras

Recolhas Sonoras

Composições inspiradas nas recolhas locais realizadas e material enviado pela população de Vila Nova de Cerveira este projecto quer continuar:

Por favor enviem contributos e recolhas sonoras de espaços urbanos e ou rurais e serão partilhas nesta página.